Not Dark Yet – Bob Dylan

card_dylan

No quarto onde a luz amarela deixava tudo confortavelmente claro, eu ouvi Not Dark Yet do Bob Dylan repetidas vezes.
A frase no meio da música diz, behind every beautiful thing there’s been some kind of pain, e é tão verdade. A beleza do nascimento, e o nascimento está em todo lugar, o nascimento está inclusive na teoria do Big Bang, vida surgindo após uma explosão. Todas as coisas lindas carregam uma certa dor, como os olhos de Marilyn Monroe, um dos olhos mais tristes de Hollywood, como a personagem de Cameron Diaz em Vanilla Sky, a garota mais triste que já segurou um Martini, um passarinho que aprendeu a voar e que agora poderá sair do ninho, uma foto revelada de alguém que já não se pode abraçar, uma mulher usando batom vermelho depois de muito tempo sem se pintar, um amor que chega depois que um outro deu lugar.

Nossos caminhos

image_981

Todos os caminhos são incertos.
Nenhuma escolha é garantida.
O que podemos fazer é caminhar assim mesmo, e parar de vez em quando para sentir o cheiro das flores, ver o sol indo embora enquanto o céu muda gradualmente de cor, e de repente, de uma só vez, a escuridão toma conta de tudo. Não podemos esquecer que haverá um novo dia, com um novo nascer do sol, que é tão lindo quanto o pôr do sol.
Continuar neste caminho, apesar de tudo, ainda é o melhor que podemos fazer.