Diga o que for verdade

Dê o nome certo para as coisas. E quando falo de coisas, entenda que falo desses sentimentos e anseios que você tem.

Não chame de confusão o que na verdade é medo. Não chame de amor o que é desejo, não chame de paixão o que é tesão. Não que tenha algum problema em sentir uma coisa ou outra, mas trocar as palavras para chamar aquilo que na verdade não é, é expressar de forma completamente vazia e falsa um sentimento que sai de você, e sentimentos também merecem a verdade, assim como nós merecemos. Mesmo que doa, mesma que seja difícil, mesmo que seja frágil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s