onde dói?

WhatsApp Image 2020-04-14 at 16.00.38

Quando era criança eu não gostava de ir ao médico. Acho que nenhuma criança gosta, mas meu maior desgosto era saber que teria que responder a uma pergunta um tanto complexa:
– O que você está sentindo?
Tantas coisas de tantos jeitos.
– Onde dói?
Essa era mais fácil. Era só apontar e dizer “aqui”. Dizer como dói é que complica tudo. Se eu suporto ainda é dor, ou só é dor quando está insuportável? Uma tem mais relevância que a outra?
Minha mãe sempre me dizia pra ser forte. De tanto ser forte, comecei a me confundir com a dor.

– Se eu apertar aqui, dói? Numa escala de zero a 10, sua dor é quanto?
Racionalizaram a dor. Precisava, além de sentir, classificar.

De zero a 10 vai depender muito do quanto a menininha na sua frente foi ensinada a ser forte. Nenhuma dor minha chegou a 10 até hoje, nem quando fui atropelada.
Mas doía. Se eu chamei de dor era dor e pronto…
E sobre dor, tem dor que é mais difícil de explicar, médico nenhum ajuda. É coisa de tempo mesmo. E eu mesma me pergunto, “ onde dói?”
É no coração, mas não exatamente no coração, não é do músculo pulsante do tamanho de um punho fechado que estou falando, é do coração, é onde tudo se complica e dor nenhuma se explica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s