Estação Socorro

Tava aqui andando na rua, ouvindo Nick Mulvey, uma música triste e alegre, assim mesmo. Tava pensando na vida, querendo sentir algo que provocasse mudança, algo que me mostrasse um caminho novo, uma diferença, um motivo. Levantei os olhos e vi um rapaz bonito vindo no sentido contrário, é difícil ver gente bonita aqui, mas beleza é algo tão relativo. Ele passou do meu lado, e tinha um perfume bom. Como instinto, olhei pra trás pra me despedir, mesmo que mentalmente, e ele olhou pra trás no mesmo momento que eu. Fiquei feliz e constrangida por alguns segundos. Será? Mas talvez ele tenha olhado pra trás pra ver se o ônibus dele estava vindo, porque talvez ele estivesse indo para o ponto de ônibus e não para o trem. Voltei ao estado de apatia.
Eis que em seguida um carro branco vira a esquina, as janelas abertas, na janela de trás havia um Golden lindo, com um grande sorriso de cachorro feliz, as duas patas dianteiras apoiadas na janela, o vento fazendo as orelhas balançarem.
Então, sim, eu acredito em magia, é que às vezes ela não funciona de primeira, às vezes é preciso fazer aparecer um Golden muito feliz no meio do caminho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s