Coisas perdidas

A resposta, me disseram, não está fora. Está aqui dentro de mim.
Você já tentou procurar um brinco num quarto todo bagunçado? Eu já, não achei de jeito nenhum. Meu quarto sempre foi meu lugar favorito no mundo. Eu tive que arrumar tudo, colocar tudo em ordem. Guardar as roupas, separar o que ia pra doação, separar o que ia pro lixo, juntar caixinhas e caixinhas, pendurar quadros pra decorar, tirar quadros que já não decoravam… Teve um momento que eu até me esqueci do brinco.
Achei tempos depois, na verdade parecia que ele tinha me achado. Foi assim, puxei minha estante de livros, e plau, tava lá embaixo.
Talvez seja assim também aqui dentro. Com toda essa bagunça, com tanta coisa pra colocar no lugar. Eu posso revirar tudo aqui, não vou achar. Preciso respirar. Colocar uma música, organizar, pensar com calma, jogar fora o que já passou da hora de ir pro lixo, redecorar, deixar entrar luz, esquecer o que eu procurava, e finalmente, encontrar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s