Eu te amo em português

A Gisele, aquela lá, a Bündchen, diz ela que o marido, (que só poderia ser dela, pois convenhamos), não fala quase nada em português.
Mas que todos os dias ele diz um eu te amo pra ela. Assim, em português.
E se você for ver, um I love you é fluído, parece um córrego em palavras, uma coisa solta aguada, que vai embora. I love you. Olha isso. Se é dito rápido nem parece sentimento.
Agora, eu te amo. É forte, até sai do peito como uma pequena explosão. O amo é forte, vem de dentro. Palavra bonita. Junta tudo, eu te amo.
Por isso que o Roupa Nova diz eu te amo e vou gritar pra todo mundo ouvir, é forte, é intenso. É quase um grito mesmo. A nossa língua tem isso de ser intensa e apaixonada. Bonita. Até a palavra bonita. Gosto muito.
E lembrei dos gringos com quem eu conversava pra praticar o inglês, um me chamava de alegria, adorava falar tchau e morria de rir toda vez com isso. Palavra besta. Ele gostava. Gostava do nome do cachorro do meu ex, o Chico, e falava com o Chico, Oi, Chico. Saudades, Chico.
Aí lembrei também do Ariano Suassuna falando que a nossa língua é muito rica, que em português um copo de vidro é isso, um copo de vidro, em inglês é um glass de glass.
É isso.
Um eu te amo, bonita, quando é sincero, é bom demais.
Tchau.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s