Era pra ser nunca mais

Se Nunca Mais fosse uma unidade de tempo, ele seria o que age com mais pressa.

A gente diz nunca mais, e de repente ele tá batendo na porta com botas pesadas.
É o pra sempre que não chega.

Na verdade, esse é o primeiro a ir embora, o pra sempre carrega a liberdade do mundo, e não tem medo de botas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s